Basquetebol

Inicialmente fundado para a prática de futebol, a UDLEIRIA ascende rapidamente à qualidade de um dos principais impulsionadores do desporto na região Centro. Ao longo dos anos 70 e 80, a zona desportiva da cidade, onde se concentrava o estádio, o campo pelado e o pavilhão, fervilhava de actividade. Eram às centenas, jovens e graúdos, a partilhar a mesma paixão – desporto e UDLEIRIA. O futebol, nos campos e o andebol no pavilhão eram as jóias do Clube. Face aos resultados obtidos, o número de praticantes não parava de crescer, sobrelotando as infra-estruturas que dispunham.

Neste contexto, aos entusiastas de basquetebol pouco espaço lhes restava. Em Leiria, a modalidade teimava a afirmar-se como noutras zonas do país. Mesmo assim, de 1977 a 1980 foram notáveis os resultados alcançados pelas várias equipas unionistas, apesar das enormes dificuldades em arranjar espaço para treinar. O basquetebol unionista alcançou os campeonatos nacionais tanto em seniores masculinos, como em femininos, vencendo os respectivos distritais. A equipa sénior feminina dava então créditos no panorama nacional, sendo constantes as goleadas, obtidas com o brilho individual das suas atletas. Em 1977, o plantel de António Baptista, treinador, que subiu à II Divisão feminina, era composto de nomes, como: Bélinha, Fátima Correia, Maria Ana, Paula Ferreira, Ana Repolho, Paula Alexandre, Fernanda Mon., Isabel António, Fátima Afonso, Isabel Maria, Olga Mah, Maria Júlia, Teresa, Maria de Jesus, entre outras. Durante estes anos, a UDLEIRIA participou também nos diversos torneios por escalões, ora de juniores, juvenis ou iniciados.

Mas os anos seguintes, viriam a ser de enorme irregularidade. As crises directivas que assolaram o clube no início da década de 80, e a existência de apenas um recinto para as várias equipas de andebol e basquetebol unionista, bem como para utilização de outros clubes da cidade, não possibilitaram o crescimento até ao merecido topo nacional. Ao invés, a secção de Basquetebol manteve apenas alguma actividade residual, participando em torneios regionais de formação, até à sua extinção no final dos anos 80.

Em 2019, a União Desportiva de Leiria decidiu reativar a modalidade.

Contactos:
basquetebol@uniaodeleiria.pt
Página da secção no Facebook