À RECONQUISTA DO 1º LUGAR

Leandro_Destaque

À RECONQUISTA DO 1º LUGAR

A equipa terminara o ano de 2017 com uma vitória, e o final da primeira volta estava a 90 minutos de um jogo em Estreito Oleiros contra o Águias do Moradal. Começou melhor a União de Leiria, sempre mais pressionante, acutilante e com vontade de golo. A equipa da casa jogava como podia, mas a pressão Unionista bloqueava por completo o voo das Águias. O primeiro golo não tardou muito. Leandro, melhor marcador dos Leirienses, num cabeceamento, colocava os forasteiros a vencer à passagem do minuto 16. Jogada pela esquerda, um passe de ruptura para Pepo, em esforço na linha de fundo, cruzar para a pequena área onde surgiu Leandro a cabecear para o fundo das redes. Estava feito o primeiro.

A toada ofensiva da União continuou, e podiam ter surgido mais golos, por João Vieira que viu um golo seu ser anulado por suposta mão na jogada. Mas não tardaria muito o tento da tranquilidade. Dois minutos volvidos do golo anulado e Leandro voltava a marcar. Aos 37’, a responder a um cruzamento milimétrico da direita executado por Adriano, o avançado Leiriense surgiu ao 2º poste para finalizar de forma magistral uma vez mais de cabeça.

A segunda parte trouxe mais do mesmo, a União de Leiria sempre a pressionar, a criar oportunidades várias, mas o guarda-redes do Águias do Moradal foi conseguindo evitar o pior. João Vieira e Leandro à vez iam obrigando o guarda-redes adversário a esforços redobrados e talvez por isso muitos o tenham considerado o melhor em campo, mas do outro lado estava Wilson, que aos 73’ protagonizou a defesa do jogo, evitando que o marcador se alterasse e garantindo a vitória por 2-0, e a reconquista do 1º lugar na Série.

 

Águias do Moradal 0

Gonçalo Nunes, João Salvado, Paulo Freitas, Ricardo Bouças, Diogo Tereso, Quinzinho, João Barros (Faduley Baía 79′), Rúben Nogueira, Bruno Taborda (Filipe Fernandes 67′), Gil Eanes e Jessi Tati.

Suplentes: Damianos Psychos, Guilherme Jorge e Martin Kuittinen.

Treinador: Francisco Pires

União de Leiria 2

Wilson, Brigues, Nailson, Kaká, Tony, Pepo, Afonso (Sérgio Duarte 75′), Maks, Leandro (16′ e 37′), João Vieira (Kah 86′) e Adriano (Diaby 67′).

Suplentes: Ricardo Campos, Rukas, Diego e Ernest.

Treinador: Rui Amorim

Golos: Leandro aos 16′ e 37′

Disciplina: Bruno Taborda 48′; Afonso 69′.